Falar sobre sucesso financeiro é algo que sempre gera curiosidade e interesse de muitas pessoas. Mas como seria possível poupar, investir e direcionar suas finanças para ter os melhores resultados com seu salário atual? É o que eu vou te mostrar agora! Vem ler comigo.

Um estudo da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) em parceria com o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostrou que 46% os brasileiros não controlam seu orçamento. Isso porque a maioria dos brasileiros não controlam o quanto gastam, não sabem ao certo as taxas de juros que pagam e não planejam suas finanças.

Além disso, o levantamento mostra que boa parte dos brasileiros reconhece a falta de organização para lidar com o próprio dinheiro, o que impede qualquer plano de sucesso financeiro.

A maioria dos consumidores que busca melhorar as finanças anota suas despesas, mas falha drasticamente no controle dos gastos extras. Isso porque os gastos extras com coisas que não são prioridade, acabam minando qualquer salário, do menor até os mais suntuosos valores.

O economista e mestre em finanças comportamentais, Gerson Caner, em entrevista à Gazeta do Povo, afirma que esse descontrole reflete uma baixa conscientização sobre o que realmente é sucesso financeiro.

Temos uma dificuldade muito grande das questões lógico-matemáticas e de leitura e interpretação de texto, e nas questões de educação financeira estão contidas interpretações de texto para as tomadas de decisão. Se não ocorre boa interpretação, a tendência é não decidir de forma correta”.

Mas, para ter uma ideia de como fazer essa conta fechar no fim do mês e, finalmente, alcançar o sucesso financeiro da sua família, continue lendo comigo porque eu separei um material especial.

  1. Tudo começa com o controle financeiro
  2. Use melhor o seu salário
  3. 5 passos para conquistar o sucesso financeiro
  4. O sucesso financeiro da família

E então, vem com a gente aprender como ter sucesso financeiro?

Boa leitura!!

 Tudo começa com o controle financeiro

Infelizmente no Brasil não temos educação financeira no ensino básico, o que acaba refletindo diretamente no número de pessoas que estão endividadas no país. E aquela crença de que brasileiro A -D-O-R-A consumir produtos e serviços é muito verdadeira, o que não é tão ruim, desde que exista um equilíbrio.

Controle Financeiro

E é aí que a coisa muda de figura, meu bem!

Os gastos de uma pessoa podem ser reduzidos ou mais bem utilizados para que haja alguma sobra no orçamento. Esse tipo de atitude não demonstra apenas um controle financeiro, mas também, e principalmente, uma maturidade enorme. Já que a pessoa está no presente, pensando em uma reserva para o futuro.

E eu não estou falando de poupança ou de investimentos (ainda).

A ideia aqui é te mostrar que, se não houver um controle financeiro agora, o seu plano de sucesso vai pelo ralo olhando para você e dando tchauzinho.

Dinheiro é um bem necessário na nossa vida, isso é óbvio. Mas é preciso entender que ele por si só não se multiplica se você não tiver um plano.

Consumir é necessário!

Eu, você e o Zoboomafoo sabemos disso. Mas a dificuldade não está apenas em conseguir o dinheiro para consumir e sim, no equilíbrio entre o consumo e a economia.

Para evitar esse cenário é preciso ter metas claras, determinar para onde vai cada centavo e organizar o que é necessário gastar para os próximos meses.

Essa é a melhor forma de ter controle financeiro e, em muitos casos, de sair do vermelho.

Afinal, as pessoas que se planejam para comprar bens, produtos ou serviços, tendem a ser mais organizados com o dinheiro do que aqueles que, primeiro pagam as contas e compram tudo o que desejam e só então – se sobrar – pensam na possibilidade de guardar algum valor.

Aí não tem sucesso financeiro que dê certo!

 

E por que existe esse padrão de gastos?

Euzinha de melo posso listar alguns bons motivos que vão te fazer entender por que o seu salário às vezes não chega até o dia 15. Tô mentindo?

Nós estamos ligados diariamente no “modo automático”, o que nos impede de enxergar os pontos que estão minando nossa renda e muito menos as atitudes que temos no mês que influenciam para essa perda tão acentuada de dinheiro.

Por isso eu separei alguns pontos importantes que podem contribuir para um desequilíbrio de gastos.

A cultura

De acordo com especialistas, o problema da falta de controle financeiro está enraizado na cultura do brasileiro.

Lembra da tal da Lei Aurea, que libertou os escravos e que foi assinada pela Princesa Isabel? Então… se pelo lado humano essa foi uma decisão mais do que correta, a questão social e financeira dessas pessoas não foi, em momento algum, direcionada.

Ao serem libertos da escravidão, muitos negros não tiveram acesso a trabalho e sequer salário, e ainda assim precisavam de alimentos e outros mantimentos para poderem viver. O resultado disso é a aquisição de insumos e serviços de forma desenfreada, sem pensar na necessidade de poupar valores para o futuro.

Não fomos ensinados a poupar e usar nosso dinheiro da forma correta e isso é um problema que vem nos acompanhando desde a monarquia (Afinal, nosso querido Dom Pedro II não era lá um exemplo de economia).

Um levantamento feito pela CNDL e SPC Brasil mostra que 58% dos brasileiros admitem que nunca, ou apenas às vezes, dedicaram tempo às atividades voltadas para o controle das finanças.

Além disso, 17% dos consumidores dizem que já recorreram ao cartão de crédito, cheque especial ou até mesmo aos empréstimos bancários para pagar as contas do mês. Como se constrói o sucesso financeiro da sua vida se você não foi ensinado desde cedo a olhar para o dinheiro com responsabilidade?

Ainda de acordo com a pesquisa, a organização financeira não é uma tarefa que atrai os consumidores brasileiros. Isso significa que há uma certa preguiça quando o assunto é organizar as contas por meio do controle financeiro, cerca de 51% dessas pessoas estão incluídas nas classes C, D e E.

O onde está o principal culpado por toda essa confusão financeira?

O perigo do emocional

A verdadeira culpa por todo o descontrole financeiro é do seu emocional.

Afinal, é você quem decide o que fazer com seu dinheiro, não é mesmo? Então, sem querer, você toma as mesmas atitudes todo mês, com base em emoções fortes como:

  • Tristeza;
  • Medo;
  • Alegria;
  • Euforia;
  • Ansiedade.

E com isso, acaba fazendo com que você perca todo o rumo do sucesso financeiro da sua vida.

Viu só como está tudo dentro de você?

O hipnoterapeuta e fundador da OMNI Brasil, Michael Arruda, explica em seu livro “Desbloqueie o poder da sua mente” que isso faz parte da programação mental de cada pessoa.

Segundo Michael Arruda, desde que nascemos nossa mente está aprendendo sobre o mundo ao seu redor, seja com vivências próprias ou até mesmo pelo exemplo de pessoas do seu círculo de convivência.

Por isso, é possível afirmar que todas as suas decisões e hábitos estão diretamente relacionadas com as programações gravadas na sua mente subconsciente desde que você nasceu.

Aliás, os seus hábitos estão diretamente ligados ao fato de você perder as rédeas do sucesso financeiro. Hábitos ruins mantém a sua vida em um completo looping de ações negativas que, sem perceber, fazem com que você perca o controle das finanças.

Um bom exemplo de hábito, é quando você decide gastar o seu dinheiro em coisas que sempre comprou. Quem nunca dá espaço para a mudança está sujeito a um tipo de hábito aprendido ainda na infância e Juventude.

E-book Como Construir Hábitos de Sucesso

Dessa forma, você pode dizer que não consegue organizar sua vida financeira, que nunca sobra dinheiro, que você não recebe o suficiente e até mesmo que a culpa é do governo. Mas, na verdade, a resposta para todo esse descontrole financeiro está dentro de você.

O salário que você recebe hoje pode ser utilizado de forma mais inteligente quando você pensa no seu desenvolvimento financeiro.

Use melhor o seu salário

É normal ouvir algumas pessoas falarem sobre sua infelicidade com relação a seus salários. Dizem que é ruim, que gostariam de receber mais, que seu salário não dá para nada e por aí vai… mas será que é realmente isso que acontece?

Será que o problema está no salário ou na mente de quem o recebe?

É claro que precisamos utilizar nossos salários para honrar nossas contas, quitar prestações e fazer as compras, mas é preciso saber alocar seus ganhos do mês com inteligência.

Não adianta reclamar que seu salário não dá para nada se você também não colabora para contar gastos.

Já imaginou o grande Silvio Santos gastando desenfreadamente sem pensar no amanhã? Ele com certeza não teria construído o império televisivo que possui hoje e seu sucesso financeiro mal teria saído do papel.

Planejar suas despesas com base naquilo que você recebe é uma forma de organizar essa conta, e confie em mim, com bom planejamento, o seu salário atual pode te levar ao sucesso financeiro.

Isso e NÃO GASTAR MAIS DO QUE SE GANHA.

Por isso, eu separei 5 passos eficientes que vão te ajudar a chegar ao sucesso financeiro sem comprometer o seu dia a dia. Vai por mim, muitos especialistas em finanças precisaram, em algum momento, se planejar e reorganizar suas finanças para construir seu sucesso.

 

5 passos para conquistar o sucesso financeiro

Uma pessoa financeiramente bem-sucedida possui dinheiro suficiente para cobrir o seu custo de vida e realizar outros projetos futuros sem comprometer sua renda e nem se endividar. Afinal, o sucesso financeiro tem significados diferentes de pessoa para pessoa.

5 Passos para o Sucesso Financeiro

Tudo depende do quanto você está disposto a se doar hoje e quais os seus maiores objetivos com isso.

Só será possível alcançar ou não o objetivo do sucesso financeiro quando você seguir metas claras por um determinado tempo. Essas metas vão guiar o seu desenvolvimento para construir sua independência financeira.

E como há um jeito para tudo na vida, anote essas dicas e monte seu planejamento de sucesso!

1.      Não gaste mais do que ganha

Essa é uma dica básica, mas acredite, é muito mal utilizada no dia a dia de quem pretende conquistar sucesso financeiro.

Comprar tudo a todo o momento não significa que sua vida financeira vai bem e sim que você está descontrolado comprando coisas que não são NECESSÁRIAS para um determinado momento. Entenda: o consumo é importante e necessário, mas ele por si só não te ajuda a construir o sucesso se não houver controle.

Pense bem antes de gastar seu rico dinheirinho. Opte por guardar dinheiro e comprar algo a vista (que normalmente sai mais barato), do que parcelar em 24x “sem juros”.

2.      Corte os gastos desnecessários

Me responde uma coisa…

Você REALMENTE precisa de 4 plataformas de streaming de filmes?

O valor mensal pago em cada uma delas pode parecer pouco, afinal, R$9,90 por mês não mata ninguém, não é mesmo? Mas… já pensou em quanto daria isso em 12x?

Eu pensei. São R$ 118,80 apenas para uma plataforma de streaming. Então, supondo que todas as plataformas custem exatamente a mesma coisa (o que não é verdade, visto que euzinha de melo mencionei a mais barata), você terá um gasto anual de, no mínimo, R$ 475,20.

Esse é um exemplo de gastos desnecessários!

O dinheiro gasto nas outras plataformas poderia ser usado para investir em uma renda fixa, guardar na poupança, separar para fazer uma viagem de férias em família e por aí vai.

Não são as grandes aquisições que fazem o seu dinheiro acabar, são os pequenos gastos que minam toda a sua receita.

Assim, não tem como um sucesso financeiro ser construído. É preciso cortar os gastos desnecessários!

3.      Organize as finanças

Para que você construa o sucesso financeiro da sua vida é preciso organizar muito bem as finanças. O corte de gastos é um exemplo prático disso, mas não é o único.

Organização Financeira

Ter total conhecimento de onde vem e para onde está indo o seu dinheiro é a melhor forma de identificar os gargalos e as áreas que você mais tem gastado. Assim, é possível reduzir os gastos e até mesmo eliminar essa despesa, caso seja algo desnecessário.

Uma excelente forma de fazer isso é colocar tudo no papel ou em uma planilha mensal de gastos, que poderá auxiliar você em diversas tomadas de ação referentes ao seu dinheiro.

Essa é uma forma de não perder o controle dos seus ganhos e se organizar para a próxima etapa do sucesso financeiro.

4.      Aprenda que poupar e investir não é uma perda de tempo

Uma pessoa de sucesso financeiro só chagou onde está porque aprendeu que poupar e investir são os melhores caminhos para construir uma vida financeira estável.

Guardar dinheiro precisa ser uma rotina, e mais do que isso, deve ser quase uma lei todos os meses e desde criança!

Mas, onde guardar?

Bom, para isso existem as diversas formas de investimento:

  • Poupança;
  • CDB;
  • LCA;
  • LCI;
  • Renda variável;
  • Criptomoedas.

Cada um desses modelos de investimento pode ajudar você a guardar o seu dinheiro e fazê-lo, com a ajuda das taxas de juros, render. Ou seja, a depender do seu modelo de investimento, o valor que aplicar hoje, poderá subir ou descer com a valorização ou mudança nas taxas de juros do país.

O que significa que aplicar um valor X em um LCI, por exemplo, daqui a 12 meses, esse valor poderá ser diferente por conta da valorização e das taxas de juros.

Você pode ganhar dinheiro investindo dinheiro.

São muitas as corretoras de investimento que podem te auxiliar, isso sem falar nos bancos que estão sempre dispostos a ter um pouquinho mais de investidores em sua lista.

5.      Controle seu emocional

Essa talvez seja a dica mais importante para quem busca sucesso financeiro.

Como você já leu por aqui, o hábito de comprar bens e serviços está relacionado ao modo como nos sentimos em dado momento. Por isso, controlar esse tipo de sensação pode ser a peça principal de um jogo de xadrez difícil de vencer.

Existem diversas formas de obter o controle emocional na sua vida, mas euzinha de melo, como uma boa conselheira, estou aqui para dizer que a auto-hipnose é excelente!

Inclusive, eu faço uso dela diversas vezes ao dia. 😊

Ela nos ajuda a melhorar nosso humor, nos mantém concentrados, ajuda a mudar nossos péssimos hábitos e direciona a nossa mente para a melhor versão de nós mesmos. Vale a pena, eu garanto!

E não se preocupe se o seu receio é os mitos sobre a hipnose que muitos falam por aí, eu também tenho um conteúdo que ajuda a desmentir todas essas histórias de uma vez por todas:

10 Mitos e verdades sobre a hipnose

Depois de seguir essas dicas e organizar a sua vida financeira, é só espalhar os conhecimentos para os outros membros da família e continuar construindo o sucesso financeiro da sua vida.

Afinal, já dizia o mestre Woody Allen:

“O dinheiro é melhor que a pobreza, mas apenas por razões financeiras”.

O sucesso financeiro da família

Como parte de uma família você precisa se organizar para que os recursos de todos agreguem no orçamento familiar. Assim, é mais fácil poupar, investir e até mesmo gastar com o que você REALMENTE precisa.

O sucesso financeiro da sua família está diretamente ligado ao quanto todos os integrantes da casa estão dispostos a investir tempo e cuidado na organização financeira.

Para isso, poupar e investir o que puder é o essencial.

Além disso, ensinar seus filhos o valor que o dinheiro possui é um caminho muito eficiente para garantir que a cultura de valorização dos ganhos permaneça forte por muitos anos.  Não é preciso muito esforço para construir um bom planejamento para o sucesso financeiro, mas é necessário muito suor para manter o planejamento ativo.

E você? Já pensou em construir o seu sucesso financeiro? Quais ações você tomou para melhorar suas finanças e alcançar novos objetivos?

Comenta aqui no artigo para euzinha de melo ficar sabendo.

Ah, não esquece de assinar a nossa Newsletter, viu? Por ela você vai receber conteúdos fresquinhos além de novidades exclusivas e… algumas surpresas também!